Notícias

Todos os dias serão 8 de março: uma roda de conversa sobre Violência contra a Mulher

Com o objetivo de discutir a violência contra as mulheres no estado do Amazonas e reforçando o seu compromisso com a sociedade, no próximo dia 27, (terça-feira) o ICBEU Manaus promove em sua Galeria de Artes a roda de conversa “Todos os dias serão 8 de março: uma roda de conversa sobre Violência contra a Mulher”, das 16h às 19h, com a presença de ativistas de movimentos sociais, professoras, jornalistas, artistas, fotógrafas e estudantes.

O tema “Todos os dias serão 8 de março” foi escolhido devido a escalada crescente da violência, abusos, estupros e mortes de mulheres no Amazonas. No ano de 2017, 73 mulheres foram assassinadas, 391 sofreram estupros e 14.509 enfrentaram ameaças no estado, conforme dados da Secretaria de Segurança Pública. Na cidade de Manaus, 10 mulheres morreram por crime tipificado como feminicídio, que é o ódio baseado no gênero.

Durante a round-table no ICBEU Manaus serão homenageadas mulheres assassinadas no Amazonas, como a líder comunitária Maria das Dores dos Santos Salvador Priante, ao 54 anos em 06 de agosto de 2015, em Iranduba; a professora Alessandra Gomes, aos 38 anos em 06 de março de 2018, em Itacoatiara, além da vereadora carioca Marielle Franco, aos 38 anos, e o motorista Anderson Gomes, no Rio de Janeiro – crimes que provocaram um impacto aviltante e feriu a dignidade da sociedade brasileira, em 14 de março de 2018.

O debate, sob coordenação da Secretaria Geral da Instituição Ruth Alencar, contará com a mediação da jornalista Kátia Brasil, da Agência Amazônia Real, e participação de facilitadoras como Luzarina Varela (Fórum Permanente das Mulheres de Manaus, Pastoral Operária e do Movimento de Mulheres Solidárias do Amazonas), Jucelem Ramos (professora e coordenadora do Núcleo de Pesquisa e Estudos de Gênero (Neiregam) e diretora da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Amazonas), Francy Junior (historiadora, ativista do movimento feminista e coordenadora do Movimento das Mulheres Negras da Floresta e do Fórum Permanente das Mulheres de Manaus), Elisa Wandelli (ecóloga e militante feminista é do comitê da partidAmazonas), Michelle Andrews (ativista feminista do Coletivo Difusão), Maria Moraes (ativista do Movimento de Artistas Trans – MONART), Andreza Cristina da Costa Silva (Coletivo Negro Alexandrina, Rede Fulanas e Grupo Garagem), Nazaré Mussa (psicóloga), Sascha Porto (comitê partidAmazonas), Nayanda Góes (Instituto Manas) e Mayara Cruz (comitê partidAmazonas).

Ao final da roda de conversa, as fotógrafas Ruth Jucá e Gisele Gomes, que participam da mostra coletiva “Art Photo 18 Manaós – Caminhos do Olhar” em exposição na Galeria do ICBEU, farão uma projeção do ensaio que fizeram sobre o Ato Paralisação Internacional das Mulheres pela agência Amazônia Real.

 O QUE: “Todos os dias serão 8 de março”, Uma roda de conversa sobre Violência contra a Mulher (Entrada gratuita)

QUANDO: 27 de março, das 16h às 19h

ONDE: Galeria de Artes do ICBEU Manaus (Av. Joaquim Nabuco, 1286, Centro) –

 

Deixe seu comentário

Preencha todos os campos marcados com asterísco (*)

Instituto Cultural Brasil - Estados Unidos
Av. Joaquim Nabuco, N. 1286 - Centro - CEP: 69020-030 - Manaus - AM
Tel: (92) 3198-7100

As informações deste site são constantemente atualizadas pelo ICBEU. Ressaltamos que o ICBEU reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.